O Bar do Gaúcho foi um marco em nossas peripécias botequeiras de Campinas. Isso ocorreu a alguns anos atrás e serviu para derrubar qualquer preconceito com bares de aparência duvidosa. O estabelecimento merecia um retorno. E voltamos.

E tivemos uma surpresa: o Rudnei (o Gaúcho) não era mais o dono. Agora o estabelecimento é tocado pelo Pedro (o Alemão), que coordena a churrasqueira do Rei do Cupim, ou seja, tem “know how” gastronômico.

Alguns sabem como adoro o cupim e em especial àquele servido no Rei do Cupim. Bom, agora descobrimos um boteco em que a iguaria é servida pelo próprio artesão! Notas máximas para o novo Bar do Gaúcho. E as porções de cupim e costela estavam divinas. Como sempre.

Em conversa muito animada com o novo proprietário descobrimos que ele está no comando a pouco tempo. Questão de dias. Pretende mudar o nome e fazer uma reforma no local. Um excelente pretexto para o nosso retorno e saborear o melhor cupim da cidade. Arrisco a dizer.

Vale a pena usufruir, curtir e prestigiar a empreitada. Viva o novo Bar do Gaúcho!

Veja aqui as notas do site e dos visitantes.



  1. Esse bar está muito silencioso. Seja o primeiro a iniciar a discussão!